GIRO DE NOTICIAS
'

terça-feira, 9 de janeiro de 2018

Sem a aprovação da LOA, o município de Pilõezinhos "fecha as portas".

A Lei Orçamentária Anual (LOA), que é votada todos os anos nas câmaras de vereadores de todos os municípios, pela primeira vez na história não foi votada em Pilõezinhos/PB.Os vereadores que compõe a oposição da cidade: Nem, Beto de Nêga, Marcelo de Beto e Paulo, não votaram na LEI, após terem proposto 10 emendas no orçamento, onde 07 foram aceitas e 03 reprovadas por orientação contábil. O fato dessas 03 emendas não serem aceitas devido a forma que foram redigidas pela "oposição", fez com quê, os quatro vereadores não aprovassem a LOA que precisa de 06 votos (dois terços), pelos menos para sua aprovação, e obteve apenas 05. 
Devido a este acontecido, a assessoria jurídica da Prefeitura de Pilõezinhos, informou que o município no mês de janeiro conseguiria manter seu controle usando: 1/12 (um, doze avos) do ano de 2017, mas que em fevereiro iria "fechar as portas" por ausência de orçamento, mas, a contadora do Instituto de Previdência Municipal, deu a notícia que pegou todos de surpresa: "Os aposentados e pensionistas não terão recurso suficiente nesses 'um, doze avos' para receberem o mês de Janeiro"
VEJA O VÍDEO

Postar um comentário

 
Copyright © 2014 Jaelson MonteiroSeguro Desenvolvido Por Netinho Soluções Web.