GIRO DE NOTICIAS
'

quinta-feira, 4 de maio de 2017

A diferença que um G8 faz - Pilõezinhos-PB.

Aqui mesmo neste blog já fiz referências aos inúmeros talentos que Pilõezinhos gerou. E a cada dia essa terra mãe me surpreende com suas crias.

Circulando pela região, escuto elogios quanto as inovações de mídia que a gestão de Mônica Cristina tem apresentado aos olhos mais críticos. Nenhum comentário observou se a produção é profissional ou amadora pelo simples fato de perceber “a olho nu” o carinho com o qual tudo é feito.
A equipe é caseira. Ninguém foi importado. Existe um somatório de forças que no final produz um belo resultado.
Cada um cuida de uma coisa específica e corre atrás para dar o melhor de si. Fazendo do pouco que se tem, em equipamentos, um grande volume de coisas.
Isso acontece nos banners para as redes sociais, na atualização do site, na edição de vídeos, na produção de textos, na arrumação de eventos e etc. E tudo isso numa grande harmonia, pois todos são ouvidos por igual, não existe o cara ou comandante, todos são fundamentais.
Uma coisa bem simples que vale registro: quem ouviu dizer que uma administração tenha tido uma equipe de marketing que se reúne para planejar?. Atualmente, é assim que funciona. Vez por outra, quando a gestão tem dúvidas ou quer desenvolver algo novo, convida a equipe para avaliar e decidir.
O meu entusiasmo particular é quando vejo a prefeita Mônica pedindo a opinião de todos. Quando as gargalhadas de Marcileide despertam a turma para um compromisso fraterno, esbanjando ternura. Aline, uma das mais assíduas do grupo, revestida de sensibilidade, empolga a todos. E o silêncio de Antonio Marcos? De poucas palavras, ele só chega pra resolver. Fabrício é um grande parceiro, tipo “pau pra toda obra”, quando ele aparece a solução vem junto. Adriano é o mocinho das imagens e, por isso, dar o gás. Jaelson dorme pouco quando o assunto é edição de vídeos. E quando sou chamado a assisti-los, vibro com a produção Made in Pilõezinhos.
Essa turma boa e do bem está deixando um marco bastante forte na atualidade e, ao mesmo tempo, abre um precedente enorme para o futuro: “nem a gestão atual, nem as futuras, podem fazer menos do que já foi feito”.

Rafael San

Postar um comentário

 
Copyright © 2014 Jaelson MonteiroSeguro Desenvolvido Por Netinho Soluções Web.