GIRO DE NOTICIAS
'

quinta-feira, 9 de fevereiro de 2017

“Bloco do Pavão Misterioso” sairá de Piloezinhos a Guarabira; saiba como participar

No próximo dia 18 de fevereiro o “Bloco do Pavão Misterioso” sairá do município de Pilõezinhos para desfilar na cidade de Guarabira. Haverá transporte a partir das 16h para conduzir a ida e a volta dos foliões que irão participar do desfile do “Bloco do Pavão Misterioso”.
O cordel mais clássico e famoso é o Romance do Pavão Misterioso, um folheto escrito pelo piloezinhense José Camelo de Melo Rezende no final dos anos vinte. A narrativa repercutiu tanto que foi reeditada diversas vezes, além de servir de inspiração para peças de teatro, canção e filme de animação.
Em Pilõezinhos está sendo construída a Casa Cultural e Museu do Pavão Misterioso. O Grupo dos 30 e Associação Ninho do Pavão estão tocando o projeto que vem contabilizando várias doações em tijolos, cimento e ferro.
Todo o dinheiro das compras dos abadás para o desfile no próximo dia 18 será revertido em compras de materiais para a continuação da obra do Ninho do Pavão, que está sendo construído na cidade de Pilõezinhos, terra do autor da obra.
Haverá mesas de fruta, degustação da Cachaça Serra Limpa. Segurança dentro das cordas durante o evento. Venda de bebidas, água e refrigerante dentro da corda no bloco. Trio Elétrico com bandas ao vivo. A concentração em frente a casa de Dr. Adário, vizinho a seu Fausto, na Praça do Milênio no Bairro Novo, em Guarabira.
Para participar, e ajudar a fortalecer a cultura do município, compre um abadá e participe do evento. Sua participação será de suma importância.
Pontos de venda dos abadás na cidade de Guarabira:
Guaramóveis – Ótica Central – Infortel – Distribuidora Marinho

CONFIRA A LETRA DO SAMBE ENREDO DO PAVÃO MISTERIOSO: 
Canta meu Pavão! Canta!
O sol despertou
Lá vem o Pavão abrindo as suas asas
Seu colorido, colorindo a massa
Com essa magia do Pavão eu vou.
Meu Pavão voou
De Pilõezinhos para a Grécia mítica
Levando Creusa e Evangelista
Rompeu o tempo e aqui chegou
José Camelo de Melo escritor
Fez o Pavão virar festa
Ficou famoso no mundo inteiro
A poesia do grande poeta.

Deixa eu desfilar meu cordel
Na avenida da literatura
O Pavão é misterioso
Patrimônio da nossa cultura. (bis)

Vem caindo esse passo
Extravasar de emoção
Chorar de felicidade
No frevo do nosso Pavão. (bis)


Da assessoria
Prefeitura Municipal de Pilõezinhos

Postar um comentário

 
Copyright © 2014 Jaelson MonteiroSeguro Desenvolvido Por Netinho Soluções Web.