GIRO DE NOTICIAS
'

terça-feira, 30 de agosto de 2016

“Não me arrependo e mataria novamente”, diz estudante universitário que matou o pai a facadas

O jovem universitário José Gustavo de Oliveira Costa, de 19 anos, que estuda na Universidade Federal da Paraíba, campus de Bananeiras, que matou o próprio pai a golpe de faca na manhã desta segunda-feira (29), na cidade de Solânea, no Brejo paraibano, declarou em entrevista à imprensa que não se arrepende do crime e que mataria o pai novamente de fosse preciso.
“Eu decidi matar ele de uma dia para outro porque ele também queria me matar. Pode procurar os registros na delegacia que você vai ver. Matei ele de faca, mas a ideia era usar um martelo. Não me arrependo e mataria novamente. Sei que seria preso e que serei julgado, mas não arrependo”, contou o rapaz em entrevista ao repórter Zé Roberto, da Rádio Constelação FM de Guarabira.
De acordo com o acusado, o pai era muito carrasco com ele, não o tratava como filho e batia constantemente em sua mãe. A informação primeira era de que a vítima era padastro do acusado, mas depois veio a confirmação de que era o próprio pai.
Gustavo foi preso dentro de um ônibus da empresa Rio Tinto quando tentava fugir para a cidade de João Pessoa, depois de ter matado o pai em Solânea. Inicialmente ele negou a autoria do crime, mas depois que a polícia mostrou sua fotografia e sugeriu acareação com testemunhas, o rapaz acabou confessando e contando detalhes do crime em depoimento na delegacia.

Postar um comentário

 
Copyright © 2014 Jaelson MonteiroSeguro Desenvolvido Por Netinho Soluções Web.