GIRO DE NOTICIAS
'

quinta-feira, 11 de agosto de 2016

Após ser ameaçado de morte, senador paraibano pede proteção à PF

Cássio Cunha Lima teria recebido cartas com as ameças
O senador paraibano Cássio Cunha Lima (PSDB) solicitou proteção à Polícia Federal após ter sido, segundo ele, ameaçado de morte por duas vezes. O político, que também é presidente do PSDB no senado, diz ter recebido duas cartas com as ameaças. As informações são da coluna Poder, da Folha de S. Paulo.
Conforme Cássio, os documentos diziam que ele não passaria o Natal vivo, caso confirmasse o voto favorável ao impeachment da presidente afastada Dilma Rousseff (PT).
No senado, Cássio integra a linha de frente dos defensores do impedimento da petista e votou a favor do seguimento do processo na fase de pronúncia. O senador paraibano também pretende votar a favor do afastamento em definitivo da presidente na fase final do processo, prevista para ocorrer no fim deste mês. Dilma é acusada de ter praticado crime de responsabilidade durante o segundo mandato e ter permitido gastos sem a autorização do Congresso. Caso deixe o poder, Michel Temer (PMDB-SP) será efetivado no cargo.

Postar um comentário

 
Copyright © 2014 Jaelson MonteiroSeguro Desenvolvido Por Netinho Soluções Web.