GIRO DE NOTICIAS
'

sábado, 1 de agosto de 2015

Policial investiga roubo ao Banco Central em Fortaleza há dez anos

Desde 2005, policial investiga o furto de R$ 164,8 mi do Banco Central no CE
Durante as investigações do furto ao banco Central de Fortaleza, que completa dez anos na próxima quarta (5), um agente da Polícia federal disfarçado manteve um relacionamento amoroso com uma familiar de Antônio Jussivan Alves dos Santos, o Alemão, um dos chefes do bando.
O objetivo era descobrir seu paradeiro – ele foi preso em 2008.
O disfarce foi revelado pela Folha em 2010. Com a ressalva de preservar sua identidade, o agente de 41 anos falou à reportagem. Uma década após o furto, 133 pessoas foram denunciadas, 94, condenadas, 30, presas e 5 estão foragidas.
A Justiça estima que, dos R$ 164,8 milhões levados, de R$ 30 milhões a R$ 60 milhões tenham sido recuperados.

Postar um comentário

 
Copyright © 2014 Jaelson MonteiroSeguro Desenvolvido Por Netinho Soluções Web.