GIRO DE NOTICIAS
'

quarta-feira, 7 de janeiro de 2015

Grupo é procurado por ter usado caminhão para roubar 42 animais em fazenda da PB

Polícia afirma que todos os abatedouros do Sertão estão avisados sobre o caso e quem comprar animais roubados poderá responder por receptação.

O roubo de 42 animais, sendo a maioria deles gados de corte, continua sem solução. O caso ocorreu entre a noite do domingo (4) e a madrugada da segunda-feira (5), em uma fazenda do município de Aparecida, no Sertão paraibano.

Segundo a Polícia Militar, homens armados teriam invadido a fazenda e rendido o caseiro. Com caminhões, os bandidos reuniram o gado em um curral e os guiaram para dentro dos veículos, fugindo logo em seguida.

O fato chegou às autoridades apenas na manhã da segunda (5), quando o caseiro conseguiu chegar a zona urbana de Aparecida e falar com a PM.

De acordo com a delegada da Polícia Civil de Sousa e responsável pelo caso, Patrícia Forny, os bandidos utilizaram uma forma diferente de roubo de gado e que o número de animais levados foi grande.

“Eles (bandidos) utilizaram uma abordagem diferente, agindo durante a noite e com caminhões. As características deles são difíceis. O número de animais subtraídos da fazenda é expressivo e estamos continuando com as investigações”, afirmou.

Ainda segundo a delegada, as cidades e abatedouros vizinhos já foram alertados para tomarem cuidados quanto à procedência dos animais, evitando o abate do gado que foi roubado. Quem comprar algum dos animais roubados, de acordo com a delegada, poderá responder por crime de receptação.

“Os abatedouros, assim como os compradores de gado, foram alertados para tomarem cuidado na compra e abate, já que os bandidos podem querer se desfazer rapidamente dos animais. Deve-se prestar atenção na pessoa que está vendendo, no preço cobrado, se é muito barato, e na marca que está no corpo do animal, já que o gado roubado possuí marcação com as iniciais do dono, que são TIC. Quem comprar algum desses animais que foram roubados, dependendo das circunstâncias da comprar, poderá responder por crime de receptação”, concluiu a delegada.

Fonte: Portal Correio

Postar um comentário

 
Copyright © 2014 Jaelson MonteiroSeguro Desenvolvido Por Netinho Soluções Web.